Oficinas especializadas são alternativa para motoristas que desejam trocar o óleo fora de concessionárias

Oficinas especializadas são alternativa para motoristas que desejam trocar o óleo fora de concessionárias

14 AGO, 2018 14 AGO, 2018
Rede Gil Rede Gil

Manutenção realizada em oficinas especializadas durante o período de garantia de fábrica pode render uma economia superior a três vezes o valor pago nas revisões programadas de concessionárias

Os altos índices de desemprego e instabilidade econômica têm forçado os brasileiros a repensar seus hábitos de consumo nos mais diversos setores. Na busca por preços melhores que os encontrados nas concessionárias autorizadas, motoristas encontram nas oficinas especializadas uma alternativa para realizar a manutenção de seus veículos.

De acordo com Marco Gil, diretor da Rede Gil, tradicional Super Troca de Óleo paulistana, o motorista tem buscado alternativas para realizar suas manutenções periódicas, sem abrir mão da segurança e ainda economizar. "O consumidor sabe que a falta de manutenção preventiva pode aumentar o problema do veículo que se tornará mais oneroso em caso de adiamento do conserto podendo, ainda, colocar em risco sua segurança e a de seus passageiros", explica Gil.

"Os consumidores também preferem realizar as revisões fora da concessionária neste momento de crise, pois nesses locais o preço final acaba sendo bem mais elevado que nas oficinas e supertrocas de óleo especializadas.", diz.

E não é apenas na escolha do prestador de serviço que o motorista pode economizar. Segundo o diretor da Rede Gil, há boas opções além dos produtos chamados "originais" que as concessionárias autorizadas são obrigadas a trabalhar.

"As concessionárias estão sempre conveniadas a alguma marca de peças ou lubrificantes que a montadora exige trabalhar. Isto diminuiu muito o poder destas negociações junto aos fornecedores para repasse de melhores preços ao consumidor o que, consequentemente, eleva o valor das manutenções nas concessionárias. Por outro lado, assim como acontece na Rede Gil, a negociação direta com as Cias de Petróleo e várias fábricas de filtros possibilita aos motoristas encontrar fora das concessionárias alternativas às marcas originalmente indicadas para seus veículos. São produtos de mesma qualidade a preços mais acessíveis.", afirma Marco Gil.

Outro fator que contribui para a mudança de hábito dos consumidores são as chamadas garantias de fábrica. De acordo com o diretor da Rede Gil, muitos motoristas já não conseguem mais realizar todas as manutenções na concessionária, sobretudo nos casos em que os prazos de relacionamento são mais elevados.

"O orçamento de muitos consumidores já não suporta mais as revisões da garantia, cujos prazos hoje variam de um a seis anos. O valor pago ao final desse período pode exceder em mais de três vezes os custos das manutenções preventivas realizadas em Super Trocas de Óleo e oficinas especializadas que oferecem a mesma qualidade e equipamentos de última geração.", explica Gil. "Vale ressaltar que na crise os carros tendem a desvalorizar mais, e serviços realizados em autorizadas não são garantia na hora de revenda do veículo", conclui.